domingo, 12 de outubro de 2014

Ativos cosmeceuticos - para ajudar na sua escolha

Todos os dias saem novos produtos e insumos na indústria de cosméticos. Alguns já não tão novos são uma unanimidade: Vitamina C, Acido Hialuronico, Acido Retinoico e glicólico. Mas nos últimos anos saíram muitos produtos excelentes que podem melhorar diversos tipos de pele.

Fiquem de olho e escolha o melhor para prevenir e tratar o envelhecimento.

LIFESKIN contém di e tri-peptídeos de baixo peso molecular de origem vegetal obtidos da Rice Protein. Atua na pele trazendo mais elasticidade e firmeza - efeito lifiting - e protegendo do fotodano. Contém 15 dos 20 aminoácidos codificados pelo DNA humano. Os aminoácidos essenciais são usados pela célula humana para construir proteínas como enzimas, colágeno, elastina, queratina, miosina muscular e atina.

Acido Dioico: atua na diminuição da síntese de melanina, em especial a hormônio dependendente. Ajuda a uniformizar o tom da pele e prevenir o melasma.

Gluconolactona: é uma alternativa para o uso dos ácidos comuns, principalmente para pessoas com a pele sensível. Atua de forma mais gradual, sem irritar a pele, no combate a manchas e ao envelhecimento. Também ajuda na hidratação de peles mais oleosas, pois tem afinidade, atrai água, mas controlando ainda assim a oleosidade. Também é indicado em pacientes com rosácea, pois tem efeito antiinflamatório, sendo uma alternativa para as pessoas que tem dificuldade em encontrar cosméticos anti-aging tendo esta irritação.

Skin whitening complex: fitocosmetico que atua tanto bloqueando a melanina para que não apareca ou escureça as manchas, quanto atua no clareamento de manchas existentes. Formado por extratos de arroz, grapefruit, uva ursi e de por um fermentado de aspergíeis, um fungo que quebra a cadeia de produção de melanina.

Phytosphingosine : a fitoesfingosina, é um dos constituintes das ceramidas, portanto este é um ativo biotécnológico natural , obtido da fermentação de uma bactéria. Suas propriedades são: antimicrobianos, atacando  bactérias gram-positivas e negativas, e  em especial a bactéria causadora da acne. Antiinflamatória, combatendo a irritação causada pela radiação e por processos iinflamatórios como a acne. Antiedema: ideal para ser usado em regiões como a área dos olhos, em pessoas sujeitas a formação de olheiras. E é um percurssor de ceramidas, o que permite uma maior hidratação e por consequencia elasticidade a pele, ideal para aquelas peles com acne já sem vida pelo uso constante de soluções secativas. 

Adenin: ativo lançado mais recentemente e de extrema segurança, podendo ser utilizado inclusive por grávidas no combate ao temido melasma. Este fármaco promete retardar a morte celular e aumentar a proliferação celular, agindo portanto no combate e tratamento de rugas. 

Hexylresorcinol: ativo utilizado há mais de 80 anos, mais que agora vem sendo mais pesquisado e super aprovado pela sua eficácia no clareamento da pele, sendo até quatro vezes mais efetivo que a conhecido, e hoje comprovadamente temida hidroquinona. Por não causar dados a pele, pode ser usado até mesmo durante o dia, junto com o filtro solar, pois além de eficaz no clareamento de manchas ele tem se demonstrado um potente antioxidante, e antiglicante ( evita a quebra do colágeno na presença de grandes quantidades de açúcar).

Carcinina - comercialmente também chamado de Glicoxyl - é outro produto com efeito antiglicante, que evita a quebra do colágeno e a consequente perda de elasticidade e fiirmeza da pele. Ter um produto antiglicante do cosmético eu diria que hoje é de extrema importância devido nossa alimentação nem sempre controlada e a alta taxa de estresse e produção de cortisol pelo nosso organismo. 

Acido tioglicolico: ativo usado em concentrações variadas tanto para tratamento em consultório, quanto para home care, ele age sobre o ferro, diminuido o aspecto escurecido de olheiras e manchas na pele. Este ativo também é indicado em uso sobre manchas que apareceram após hematomas.