terça-feira, 11 de maio de 2010

A OMS aprovando e divulgando os benefícios da Acupuntura

Recentemente, a OMS publicou um  documento sobre a acupuntura que detalha os benefícios que esta terapia, e outras como a moxabustao, eletroacupuntura, ventosaterapia, magnetoterapia, exercem sobre uma diversidade de patologias e comparando estes tipos de tratamentos aos tratamentos usuais. Esta foi uma longa pesquisa científica que avaliou 147 doenças.

AFECÇÕES OSTEOMUSCULARES
Distenção Muscular: alivio da dor e desaparecimento dos sintomas em 82% dos casos.
Dor Cervical: eficácia em 67% dos casos.
Pescoço Rígido: cura obtida em 80% dos casos após uma sessão.
Espondilose Cervical/ (Bico de Papagaio): melhora significativa.
Dor Aguda na Coluna: melhora imediata e significativa da dor, aumento da flexibilidade das costas/tronco
Dor Lombar: eficácia em 72% dos casos, sendo superior a medicação convencional.
Ciatalgia: melhora entre 72% e 96% dos casos, conforme tipo de aplicação.
Dor nos Joelhos: com eletro-acupuntura há referência de melhora completa da dor em 65% dos casos.
Dor em Cotovelo e Ombro: cura em 66% dos casos, e alivio da dor em 80%.
Fibromialgia: melhora significativa.
Artrite/ artrose: eficácia em 61% dos casos, superior ao uso de medicação.
Artrite Reumatóide: 60% com convencional e 80% com eletroacupuntura.

AFECÇÕES DA PELE:
Acne: desaparecimento em 59% dos casos após 10 dias de tratamento.
Micose Cutânea: desaparecimento em 53% dos casos após 3 meses de tratamento.
Herpes Zoster: desaparecimento da dor e das sarnas após 2 a 6 dias.
Psoriasis: melhora média de 50%.

DOENÇAS/DISTÚRBIOS PULMONARES E VIAS RESPIRATÓRIAS:
Gripe comum: melhora razoável.
Dor de Garganta: melhora me 90% dos casos
Amigdalite: alivio significativo da dor e da febre.
Rinite Alérgica: eficácia em 97% dos casos (resultados mais duradouros e sem efeitos colaterais)
Asma/ Bronquite: melhora significativa.
DPOC: melhora em 3 semanas.

PROBLEMAS CARDÍACOS:
Hipertensão: eficácia similar a medicação convencional, sem efeitos colaterais.
Hipotensão: normalizada em 95% dos casos..
Demais afecções cardiácas: melhora média de 70% dos casos.

AFECÇÕES DE FÍGADO:  média de melhora fica em torno de 80%

AFECÇÕES GASTROINTESTINAIS:
Dor Abdominal: melhora em 98% dos casos
Cólicas estomacais, intestinais e espasmo: melhora em 98% dos casos após 30 minutos da aplicação.
Soluços: melhora significativa.
Nauseas e vômitos: cerca de 90%.
Diarreia e constipação: excelentes resultados.
Gastrite Crônica, hiperacidez, ùlcera, cólon irritado, enterite e hemorróidas: cura em cerca de 80% dos casos.

AFECÇÕES RENAIS:
Cólica Renal: alívio da dor em 100% dos casos.
Cálculo Renal: cura em cerca de 80% dos casos (podendo expelir as pedras)
Retenção Urinária/ Incontinência e Infecções Recorrentes: eficácia superior aos tratamentos convencionais (no caso de infecções deve ser mantida antibioticoterapia).

SISTEMA CIRCULATÓRIO:
Síndrome de Raynaud (mãos e pés frios) e Flebite: melhora signifcativa.
Excesso de Gordura no Sangue: 90% de melhora.
A melhora da circulação é evidenciada pela diminuição visível de edema, e de varizes e varicoses,

SISTEMA NERVOSO:
Enxaqueca: 80% de melhora dos casos.
Tontura: 75%
Neuralgia de Trigêmeo e Geral: 100% dos casos apontam melhora
Paralisia Facial: melhora média de 70%.

AVC:
Sequela - Hemiplegia: recuperação em 66% dos casos.
Desvio da Boca e paralisia da fala: 76 %
Dificuldade de articular palavras: 90% de melhora.

OBESIDADE: supressa do apetite em 95% dos casos.

DIABETES MELLITUS: redução dos níveis de açúcar em 20%.

Ainda demonstra resultados em:
OLHOS: melhoras significativas da sensibilidade, secura, dor, conjuntivite, turbidez, e daltonismo (este após cerca de 30 sessões).

OUVIDOS: melhorias nos casos de surdez e desaparecimento de zumbido.

NARIZ: melhora significativa nos casos de sinusite e obstrução nasal, bem como sangramentos.

BOCA:  controle da salivação, gengivites e dores de dente são tratáveis através de efeito analgésico da acupuntura.

AFECÇÕES DE CABEÇA:
Dores de cabeça: a diminuição da frequencias das dores chegou a 50%.
Dor Crânio-mandibular e ATM: eficácias similares ao tratamento convencional.

DISTÚRBIOS PSÍQUICOS:
São tratáveis patologias como a DEPRESÃO - ANSIEDADE- INSÔNIA -  estresse - esquizofrenia

AFECÇÕES MASCULINAS:
Distúrbios como impotência sexual, ejaculação precoce e prostite tem melhoras significativas.

AFECÇÕES FEMININAS:
TPM, CÓLICAS melhoras em mais de 90% dos casos.
Cistite: eficácia em 88% dos casos após 2 meses de tratamento.
Obstrução das Trompas: cura em 81% dois casos.
Ovários Policísticos: 94% de cura
Infertilidade: melhora em 75% dos casos.
Menopausa: melhora em 77% dos casos.

As técnicas que envolvem a acupuntura ainda surtem efeitos em patologias que atingem crianças como as darreias recorrentes, convulsoes, obesidade infantil. Também são utilizadas nos casos de dependência química como álcool, tabaco e drogas em geral.

Também é ultizada em pós-operatório e adjuvante do tratamento de câncer, reduzindo a dor, e melhorando a imunidade do paciente, acelerando sua recuperação.

O artigo completo você encontra pelo título: Acupuncture: Review and analysis os reports on controlled clinical trial.